sábado, 31 de dezembro de 2011

Um bom tempo afastado desse mundo virtual e uma enorme saudade de toda essa onda de informações que se absorve e compartilha a todo instante, dezembro foi um mês corrido, mas tão corrido que nem deu tempo de pensar em escrever, trabalho, metas dentro da empresa, dobra de horário e por fim meu objetivo foi alcançado, se o reconhecimento for válido ele virá e será satisfatório...
Enfim a criatividade pode reinar ainda, justamente quando a hipocrisia esta presente... final de ano é sinônimo de paz e laços afetivos, mas infelizmente más pessoas usam de péssima fé esse sentimento que esta vagando pelo ar, muitos são errados e querem aproveitar esse momento para se desculpar ou reconstruir os laços de amizade.... Esse é um motivo que eu não gosto de comemorar tais datas, principalmente em um ano que uma das pessoas mais queridas da minha vida se foi, mas vamos deixar das saudades e das lamentações para outros momentos, apesar de que estou fechando o ano com algumas vitórias e é claro que o saldo está mais positivo do que negativo !


sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Algumas iguarias !


O forno já esquentou e o frango já esta temperado, manteiga derretida e azeite para dar gosto, assim temos um bom cheiro para incomodar os vizinhos. Alhos socados ao óleo com sal, uma grande cebola fatiada será levada junto ao fogo, junta de seu amigo inseparável e um dos mais famosos temperos que nunca pode ser substituindo: Alho, cebola, sal, azeite e até em algumas ocasiões vinho para a carne assada e gengibre para o frango, dono de um sabor picante o gengibre é diferenciado, um dos principais ingredientes para as festas juninas e julinas, mas enfim o bom e velho quentão, de arrepiar e fazer soar, servido realmente quente por sua cachaça que faz pegar fogo as noites frias de São João, agora sim mais uma receita e é fácil, cachaça, agua gengibre, açúcar laranja e limão, não posso esquecer do cravo e da canela sem a maçã cortada, enfim quentão, sobe balão nesse inverno tão típico de grandes chuvas para o sertão !